Carregando...
Cadastrar
Voltar
Recomendamos que não utilize o mesmo e-mail que utiliza no Habbo Hotel.
Recomendamos que não utilize a mesma senha que utiliza no Habbo Hotel.
Seja bem-vindo!
Criando sua conta você conta com todos os recursos disponíveis no site!
Comente, crie conteúdo e divirta-se ao máximo!
Hey, uma ajudinha!
Para ajudar a ProHabbo, navegue no site com o AdBlock desabilitado.

Este tópico foi revisado pela equipe de moderação em 08/02/2017 22:24.
ALequELequE_
Nível final - 100%
Já vivi e conquistei tudo na vida.
Placar de conquista: 29623
Monstruoso
1409
Membro da equipe
Outros
Poeta Manoel De Barros #1
O livro sobre nada

É mais fácil fazer da tolice um regalo do que da sensatez.
Tudo que não invento é falso.
Há muitas maneiras sérias de não dizer nada, mas só a poesia é verdadeira.
Tem mais presença em mim o que me falta.
Melhor jeito que achei pra me conhecer foi fazendo o contrário.
Sou muito preparado de conflitos.
Não pode haver ausência de boca nas palavras: nenhuma fique desamparada do ser que a revelou.
O meu amanhecer vai ser de noite.
Melhor que nomear é aludir. Verso não precisa dar noção.
O que sustenta a encantação de um verso (além do ritmo) é o ilogismo.
Meu avesso é mais visível do que um poste.
Sábio é o que adivinha.
Para ter mais certezas tenho que me saber de imperfeições.
A inércia é meu ato principal.
Não saio de dentro de mim nem pra pescar.
Sabedoria pode ser que seja estar uma árvore.
Estilo é um modelo anormal de expressão: é estigma.
Peixe não tem honras nem horizontes.
Sempre que desejo contar alguma coisa, não faço nada; mas quando não desejo contar nada, faço poesia.
Eu queria ser lido pelas pedras.
As palavras me escondem sem cuidado.
Aonde eu não estou as palavras me acham.
Há histórias tão verdadeiras que às vezes parece que são inventadas.
Uma palavra abriu o roupão pra mim. Ela deseja que eu a seja.
A terapia literária consiste em desarrumar a linguagem a ponto que ela expresse nossos mais fundos desejos.
Quero a palavra que sirva na boca dos passarinhos.
Esta tarefa de cessar é que puxa minhas frases para antes de mim.
Ateu é uma pessoa capaz de provar cientificamente que não é nada. Só se compara aos santos. Os santos querem ser os vermes de Deus.
Melhor para chegar a nada é descobrir a verdade.
O artista é erro da natureza. Beethoven foi um erro perfeito.
Por pudor sou impuro.
O branco me corrompe.
Não gosto de palavra acostumada.
A minha diferença é sempre menos.
Palavra poética tem que chegar ao grau de brinquedo para ser séria.
Não preciso do fim para chegar.
Do lugar onde estou já fui embora.
[b]O livro sobre nada[/b] É mais fácil fazer da tolice um regalo do que da sensatez. Tudo que não invento é falso. Há muitas maneiras sérias de não dizer nada, mas só a poesia é verdadeira. Tem mais presença em mim o que me falta. Melhor jeito que achei pra me conhecer foi fazendo o contrário. Sou muito preparado de conflitos. Não pode haver ausência de boca nas palavras: nenhuma fique desamparada do ser que a revelou. O meu amanhecer vai ser de noite. Melhor que nomear é aludir. Verso não precisa dar noção. O que sustenta a encantação de um verso (além do ritmo) é o ilogismo. Meu avesso é mais visível do que um poste. Sábio é o que adivinha. Para ter mais certezas tenho que me saber de imperfeições. A inércia é meu ato principal. Não saio de dentro de mim nem pra pescar. Sabedoria pode ser que seja estar uma árvore. Estilo é um modelo anormal de expressão: é estigma. Peixe não tem honras nem horizontes. Sempre que desejo contar alguma coisa, não faço nada; mas quando não desejo contar nada, faço poesia. Eu queria ser lido pelas pedras. As palavras me escondem sem cuidado. Aonde eu não estou as palavras me acham. Há histórias tão verdadeiras que às vezes parece que são inventadas. Uma palavra abriu o roupão pra mim. Ela deseja que eu a seja. A terapia literária consiste em desarrumar a linguagem a ponto que ela expresse nossos mais fundos desejos. Quero a palavra que sirva na boca dos passarinhos. Esta tarefa de cessar é que puxa minhas frases para antes de mim. Ateu é uma pessoa capaz de provar cientificamente que não é nada. Só se compara aos santos. Os santos querem ser os vermes de Deus. Melhor para chegar a nada é descobrir a verdade. O artista é erro da natureza. Beethoven foi um erro perfeito. Por pudor sou impuro. O branco me corrompe. Não gosto de palavra acostumada. A minha diferença é sempre menos. Palavra poética tem que chegar ao grau de brinquedo para ser séria. Não preciso do fim para chegar. Do lugar onde estou já fui embora.
Imagem

Twitter: alequeeleque
-Tiuzao
Nível 14 - 54%
Produtor, diretor, ator, enfim, tudo.
Placar de conquista: 2415
Linguarudo
206
muito boa poesia !!!
muito boa poesia !!!
Sem assinatura.
Neoguilhe929
Nível final - 100%
Já vivi e conquistei tudo na vida.
Placar de conquista: 5975
Majestade
5870
''Não preciso do fim para chegar.''
''Não preciso do fim para chegar.'' [e:8]
Imagem




Insta: Gui_romao / Habbo: Neoguilhe929
jaqueline6804
Nível final - 100%
Já vivi e conquistei tudo na vida.
Placar de conquista: 7877
Selvagem
480
Arrasou na escolha da poesia.
Arrasou na escolha da poesia. [e:1]
Sem assinatura.
O.dea.O
Nível 14 - 25%
Produtor, diretor, ator, enfim, tudo.
Placar de conquista: 2173
Robótico
136
arrazou na escolha
[b]arrazou na escolha[/b]
Sem assinatura.
Essa discussão está fechada.
Nossa equipe optou por fechar este tópico para novas respostas.